Vacina contra a gripe é uma fraude

Além de não ser eficaz ainda causam efeitos colaterais graves


Vacina: Bom pra quem?
O Ph.D Peter Doshi, cientista da Universidade de Medicina Johns Hopkins, emitiu um relatório estarrecedor sobre as vacinas da gripe: além de não serem eficazes, causam mais efeitos colaterais do que é alegado pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC).

Idosos e pessoas com doenças crônicas têm um maior risco de complicações graves e até morte. Não existem estudos consistentes que a vacinação reduz a taxa de mortalidade.

Crianças pequenas (abaixo de 5 anos) que receberam a vacina não obtiveram proteção contra a doença. Sabe-se também que a vacina contém uma dose de mercúrio que é altamente tóxica para o cérebro.

Para o Dr. Russel Blaylock, neurocirurgião, a vacina aumenta a chance de se contrair a gripe porque o mercúrio é um deprime o sistema imunológico por várias semanas. O mercúrio no organismo super estimula o cérebro e esta ativação pode causar a doença de Alzheimer e outras doenças degenerativas, aumentando as chances em 10 vezes.

A conclusão, diz o Dr. Blaylock: "O grande número de pessoas que recebe a vacina contra a gripe não vai obter qualquer benefício, mas eles terão todos os riscos e complicações."

News Max Health: Johns Hopkins Scientist Slams Flu Vaccine

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua mensagem ou depoimento! Obrigada.